Um assunto polêmico: lâmpada fluorescente

lampada fluorescente

Quem já precisou acender uma lâmpada quando a energia acabou sabe o quanto ela é útil; É claro que durante o dia, podemos usar a luz natural (e ainda aproveitar e renovar o ar e a energia dos cômodos!), só que não é sempre que essa será a solução. Estudamos, lemos, precisamos nos orientar à noite, e isso seria impossível sem uma iluminação adequada. Mas se você acha que os benefícios trazidos por uma simples lâmpada terminam por aqui, tenho de lhe iluminar a mente para esta ideia (não-tanto) brilhante: As lâmpadas fluorescentes.

 

Estas lâmpadas estão na moda já algum tempo, pois são sempre associadas às vantagens que compensam seu preço, mais alto do que as tradicionais incandescentes. As incandescentes duram até 10 vezes mais, enquanto economizam até um terço da energia elétrica que seria gasta pela tradicional lâmpada incandescente, aquela mais gordinha, que foi criada por Thomas Edison.

 

Há quem diga que o discurso ambientalista de afirmar que essas lâmpadas são uma boa solução é fundamentado pelas grandes empresas, que passaram a lucrar muito mais fazendo essas lâmpadas, quando na verdade, de amigas do meio ambiente, elas não teriam nada: Muitas possuem mercúrio na forma gasosa, e após descartadas de maneira errada, esse metal pesado passa a contaminar lençóis freáticos (e consequentemente águas, solos, animais, até chegar no homem também). Apesar disso, essas lâmpadas, assim como as incandescentes, podem ser recicladas. A questão é que esse serviço ainda é pouco difundido e praticado, e também não é feita uma conscientização.

 

O fato é que a indústria desse tipo de lâmpadas cresce cada vez mais, e a necessidade da preservação ambiental também; Mas para que essas lâmpadas possam ser vistas como aliadas do meio ambiente, o descarte precisa ser feito de maneira correta, para que esse processo de reciclagem se torne de fato efetivo. No dia em que isso for feito, aí sim poderemos enxergar uma luz no fim do túnel pelo desenvolvimento sustentável!

 

Post escrito por Thom Girotto do Urbbanimals

Gostou do Post?
Dê um CURTIR, COMPARTILHE e faça um COMENTÁRIO: