Recadastramento biométrico para as eleições de 2010

A Justiça Eleitoral começou o recadastramento de eleitores para identificação por meio das digitais nas eleições de 2010. O objetivo de se fazer este recadastramento biométrico é excluir a possibilidade de uma pessoa votar por outra. A expectativa é de que em oito anos todos os estados do país tenham urnas com leitores biométricos.

Para fazer o recadastramento biométrico, os eleitores devem comparecer aos locais definidos pela Justiça Eleitoral com documento de identidade e comprovante de residência.

SOBRE A BIOMETRIA

A biometria é uma tecnologia que permite identificar uma pessoa por suas características biológicas únicas, ou seja, elementos corporais que tenham diferenças particulares como a íris, a retina, a impressão digital, a voz, o formato do rosto e o formato da mão.

A urna Biométrica
O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) lançou, nas eleições de 2008, a urna biométrica, na qual o eleitor é reconhecido pela digital.

No novo sistema, o votante é identificado por sua impressão digital e sua fotografia. Esta última é reproduzida na folha de votação que será manuseada pelo mesário. Além disso, não é mais necessário que o mesário habilite a urna e a libere para o eleitor votar. Será suficiente o simples registro da digital para o próprio eleitor liberar a urna para o voto.

Por que essa nova forma de identificação?
Porque ela é completamente segura. As impressões digitais são únicas. Dos mais de seis bilhões de habitantes do planeta, ninguém tem impressões digitais iguais às de outra pessoa.

A eleição com o uso da biometria conclui a informatização do processo eleitoral, de ponta a ponta, pois até agora somente a identificação do eleitor era manual. Assim, serão eliminados os erros que, às vezes, podem ocorrer nesta identificação.

Para saber mais sobre o recadastramento, acesse o site do TSE

Visite o SPEED RACER GO BRAZIL e o PICA PAU BRAZIL

Gostou do Post?
Dê um CURTIR, COMPARTILHE e faça um COMENTÁRIO: