Páscoa

A origem da palavra Páscoa é hebraica. Vem de Pessach, que significa Passagem. Comemora um marco na história do povo judeu: a travessia do mar Vermelho ao se libertar de um longo período de escravidão no Egito. Com este sentido, a Páscoa foi instituída no ano 1513 a.C. Antes, a data era utilizada pelos povos que habitavam a bacia do Mediterrâneo para prestar sacrifícios de gratidão aos deuses pela colheita, que ocorria na primeira lua cheia da primavera. O sacrifício era chamado de “primícia” e, nele, se ofertava um pão de cevada com o primeiro cereal.

Com a crucificação e ressurreição de Jesus Cristo, a Páscoa ganhou um terceiro significado: a passagem da morte para a vida. Os cristãos utilizam a comemoração para relembrar a imolação do Filho de Deus, que com seu sacrifício livrou os homens dos pecados. A libertação, que para os judeus foi física, se tornou também espiritual.

COELHO
O coelho era símbolo de fertilidade no antigo Egito. Como esse animal se reproduz rapidamente e gera muitos filhotes, representa a fecundidade e a reprodução constante da vida e também a Igreja, que também pode ter novos discípulos sempre. Uma lenda conta que uma mulher pobre pintou ovos e colocou-os escondidos num ninho para presentear os filhos num domingo de Páscoa. Quando as crianças descobriram o ninho, um coelho passou e elas acreditaram que o animal trouxera o presente. O coelho como símbolo da Páscoa chegou ao Brasil pelos imigrantes alemães, entre 1913 e 1920. Na nossa tradição, o coelho esconde os ovos coloridos em ninhos para que as crianças possam procurá-los como presentes de Páscoa.

PÁSCOA NO MUNDO

· Alemanha e Áustria: Em algumas regiões da Alemanha e da Áustria, ovos verdes são dados na Maundy Thursday (Quinta-feira Sagrada). Há também o costume de tirar o conteúdo do interior de um ovo de verdade furando a casca com uma agulha. Depois, eles são amarrados em árvores e arbustos. Artistas austríacos criam uma decoração especial amarrando plantas em volta dos ovos enquanto estes estão sendo cozidos. Depois as plantas são retiradas, deixando marcas.
· Armênia: Armênios decoravam cascas de ovos intactos com figuras cristãs, da Virgem Maria e outros temas religiosos.
· Brasil e América Latina: As crianças costumam preparar ninhos com palha ou papel picado para que o coelho coloque ovos de madrugada. Mas também é comum procurar ovos escondidos pela casa.
· China: O Ching-Ming é a festa chinesa que ocorre na mesma época da Páscoa. As pessoas visitam túmulos e deixam doces e comidas para agradar os ancestrais.
· Eslovênia: Os eslavos decoram os ovos com enfeites de ouro e prata.
· Estados Unidos: A tradição mais comum é, na manhã do dia de Páscoa, procurar ovos de chocolate escondidos na casa, no quintal ou até em uma praça pública.
· Europa: Nesse continente a Páscoa começou com rituais pagãos, comemorados no início da Primavera. As tradições são pintar ovos cozidos e fazer brincadeiras com os ovos. Uma delas é uma competição jogar um ovo numa ladeira. O que quebrar por último será o vencedor.
· Grécia: Ovos vermelhos, simbolizando o sangue de Cristo, são oferecidos na Grécia.
· Suécia: As crianças se vestem de bruxos na Quinta-Feira Santa ou na véspera da Páscoa e batem na porta dos vizinhos deixando um cartão e esperando receber doces.

FELIZ PÁSCOA EM OUTRAS LÍNGUAS

Alemão: Schöne Ostern
Árabe: Eid-foss´h Mubarak
Chinês: Fouai hwo gie quai le
Croata: Sretun Uskrs
Grego: Kalo Paska
Francês: Joyeuses Pâques
Inglês: Happy Easter
Italiano: Buona Pasqua
Laosiano: Souk San Van Easter
Macedônio: Sreken Veligden
Tcheco: Vesele Vanoce
(Guia dos Curiosos)

Desejo uma Feliz Páscoa para todos os internautas criativos!

Confira a nova “versão” da música do COELHINHO DA PÁSCOA

Gostou do Post?
Dê um CURTIR, COMPARTILHE e faça um COMENTÁRIO: