Vote bem

Dicas para votar bem em 2008. Eleição para vereador e prefeito.

1) Só vote em quem você conhece.
2) Só vote em quem tem idéias iguais ou melhores que as suas.
3) Só vote em quem tem força para lutar pelas idéias que tem.
4) Não vote em candidato que só faz propaganda. Ou que faz muita propaganda. Esses querem ganhar a eleição a qualquer custo. Se ganharem, lá em cima também farão qualquer negócio.
5) Procure ter um contato direto com os candidatos. Faça com que eles dêem opinião sobre os assuntos que interessam a você. Não se iluda. Você vai perceber que há candidatos bons mas há muitos que são completamente vazios. Só fala bonita. Às vezes, nem isso. Nesses, você não deve votar.
6) Só vote em candidato que, na campanha, fez questão de ser honesto e mostrar a cara. Ele pode ter dito até algumas coisas que desagradaram você. Se for eleito, no entanto, mentirá menos.
7) Não vote só pelo partido do candidato. Você pode ter preferência por algum partido mas não se esqueça de que o mais importante são as idéias e a cabeça do próprio candidato.
8) Seja autêntico. Vote em candidato de esquerda, se você achar que as coisas por aqui estão erradas e que o governo é quem deve mandar em tudo. Vote num candidato liberal se você achar que deve ser exatamente o contrário. O importante é você votar por sua cabeça e não pela cabeça dos outros.
9) Se o candidato já é vereador, não vote nele só pelos projetos que apresentou. Há os que apresentam bons projetos. Mas um vereador pode ser considerado muito bom por limitar seu serviço a trabalhar em favor de bons projetos e contra os maus.
10) Nunca vote em candidato que se ofereça para “quebrar galhos”. Esse é um sério pretendente a corrupto.
11) A função de um vereador é propor leis, aprovar ou reprovar os projetos de lei apresentados na Câmara e fiscalizar o trabalho do Prefeito. Um candidato que promete coisas como asfaltamento de ruas, construção de postos de saúde, pontes, escolas e outras do gênero só está fazendo demagogia. Não vote nele.
12) Escolha, de preferência, um candidato que esteja a serviço de uma ideologia: ou um liberal, ou um social democrata, ou um socialista ou um comunista. Não aceite um candidato “mais ou menos”. Quem não tem idéias firmes e definidas não serve para representar eleitor nenhum.
13) Escolha um candidato sério. Que pensa antes de abrir a boca. De preferência, que fale pouco. Candidato oba-oba não adianta.
14) Não reeleja um Prefeito ou Vereador que só trabalhou pensando na reeleição. Política não deve ser profissão. Nem fonte de renda. Deve ser trabalho de desprendimento e dedicação ao bem comum.
15) Lembre-se de que candidato bom não precisa fazer malabarismos para conquistar o eleitor. Os quietos e comedidos, geralmente, podem inspirar mais confiança.
(Dica do Jornal Acorda Brasil)

Mais um serviço de utilidade pública do Criativo.

PS: Estou de volta das férias!

Gostou do Post?
Dê um CURTIR, COMPARTILHE e faça um COMENTÁRIO: