Ligações perigosas

Revista colombiana divulgou documentos que teriam sido entregues pelo presidente colombiano, Álvaro Uribe, ao presidente Lula e supostamente provariam os contatos de integrantes do governo brasileiro e do Partido dos Trabalhadores com as Farc.

Os documentos seriam transcrições de e-mails do computador do líder guerrilheiro Raúl Reyes e mostram vínculo com “cinco ministros, um procurador-geral, um assessor especial da Presidência, um vice-ministro, cinco deputados, um verador e um juiz”.

O Governo Lula desmentiu conexões com as Farc (OESP).

CG: Não me espanta se existir tal ligação. Afinal, o governo nunca foi claro se era contra a facção terrorista.

Visite o Speed Racer Go Brazil e o Pica Pau Brazil

Gostou do Post?
Dê um CURTIR, COMPARTILHE e faça um COMENTÁRIO: