Transparência já

Senadores e deputados da base governista na Comissão Mista dos Cartões Corporativos se aproveitaram de sua folgada maioria para impedir a aprovação dos requerimentos de quebra de sigilo do presidente Lula, de sua família e auxiliares.

Tenha sido ou não um golpe de esperteza política Fernando Henrique Cardoso autorizou a quebra de seu sigilo e de sua família ao tempo de seus dois mandatos de presidente da República (OESP).

CG 1: Quem não deve não teme (e quem teme muito deve muito).
CG 2: Agora falta Lula, Sarney, Collor e Itamar prestar à sociedade esse inestimável serviço, a bem da moralidade pública nacional.

Gostou do Post?
Dê um CURTIR, COMPARTILHE e faça um COMENTÁRIO: