Bolsa-Burrice

O programa mais importante do governo Lula, o Bolsa-Família, que atende hoje quase um quarto da população do País (45,8 milhões), não está conseguindo cumprir um de seus principais objetivos: fazer com que as crianças completem ao menos os oito anos do ensino fundamental.

Uma das razões é que as famílias obrigam as crianças a ficar no programa até os 15 anos, quando ainda são beneficiadas. A partir desta idade, muitas vezes é mais interessante ter o filho trabalhando (OESP).

CG: Percebe-se que as crianças só estão na escola por conta do Bolsa-Família. Ou seja, só o dinheiro que importa. Estudar para quê, não é mesmo?

Gostou do Post?
Dê um CURTIR, COMPARTILHE e faça um COMENTÁRIO: