171 na Esplanada (cartão corporativo)

Em 2007, a ministra Matilde Ribeiro gastou 171.500 reais no cartão de crédito pago pelo desgoverno com o dinheiro público. Matilde foi de longe a ministra mais perdulária da Esplanada. Em média, foram R$ 14.300 reais por mês, mais do que seu salário, que é de R$ 10.700 reais.

Matilde jura que só usou o cartão corporativo para pagar despesas de viagens oficiais. No ano passado, pagou 67 contas em hotéis – média de 5,5 contas por mês. Aliás, como a reportagem da Veja mostrou, a moça viaja tanto que deveria ser ministra do Turismo (Alerta Total).

As despesas básicas:

R$ 126 000 reais aluguel de carros
R$ 35 700 reais hotéis e resorts
R$ 4 500 reais bares, restaurantes e até padaria
R$ 460 reais no free shop
R$ 4 800 reais despesas diversas

Total = R$ 171 500 reais

Aliás, 171 é um número de gasto perfeito.

Gostou do Post?
Dê um CURTIR, COMPARTILHE e faça um COMENTÁRIO: