Sou contra CPMF (parte 3)


A CPMF, quando surgiu em 1996, era apenas uma contribuição provisória criada para salvar a saúde pública, uma vez que o Sistema Único de Saúde estava em xeque, vivendo grandes tragédias. Passados 11 anos de sua criação, corremos o risco de que se torne definitiva, contrariando o desejo da população brasileira, que é ser desonerada, liberada deste ônus.

Se você é contra com este abuso do governo assine o manifesto da FIESP. CLIQUE AQUI.

Mais um serviço de utilidade pública do Criativo.

Gostou do Post?
Dê um CURTIR, COMPARTILHE e faça um COMENTÁRIO: